Aparecida Helena de Oliveira é professora e pedagoga com ampla experiência na área da educação. Sua primeira formação foi a graduação em Licenciatura de Matemática, que deu início a sua trajetória profissional. Apaixonada por ensinar, ela se encontrou na vontade de poder formar outros professores para contribuir com esse trabalho.

“Eu gosto da minha profissão, gosto de ensinar e é o que eu quero fazer em minha vida. Uma forma de contribuir com esse ofício é ter o mestrado para formar outros professores. Eu já tinha tido experiências com capacitação de profissionais de educação, mas sempre me foi exigido um mestrado”. 

Aparecida Helena já possuía especializações na área da Inspeção e Supervisão, Psicopedagogia e Educação Inclusiva, mas concluir um curso de pós-graduação scricto sensu era uma de suas metas profissionais e pessoais a ser realizada. Porém, por morar no interior de Minas Gerais, na Cidade de Caputira, as dificuldades territoriais tornavam esse sonho mais difícil de ser alcançado, mas que foi possível quando ela conheceu o mestrado do Ietec.

“Conseguir fazer o mestrado é o sonho de uma vida e para quem mora no interior como eu, além de um sonho, é um grande desafio. Apesar da região em que eu moro ser bem desenvolvida na área educacional ainda não temos um curso de mestrado. Além disso, era preciso tentar conciliar meu objetivo de ser mãe e continuar atuando profissionalmente. O fato de o Ietec disponibilizar as aulas aos sábados foi crucial para que eu me dispusesse a dar início à minha trajetória no mestrado”.

Além de se tornar formadora de professores, Aparecida Helena também queria produzir com sua dissertação um conhecimento que pudesse impactar sua região e a sociedade. Dessa forma, ela se dedicou aos estudos da área de secagem.

“A produção de leite caprino é uma área de franco crescimento na minha região e no Brasil. Começar a entender a produção de leite caprino do zero exigiu um esforço de pesquisa enorme. Tive que visitar um capril produtor, conversar com muitas pessoas que trabalham no ramo e ir atrás de informações que na época eram escassas, pois nem regulamentação para a secagem do leite de cabra o estado possuía. Contar com a parceria, transparência e humildade dos professores do Ietec me ajudou muito. Esse acompanhamento é essencial, pois o mestrado é muito cansativo para o físico e o psicológico, por isso, esse apoio é muito importante”.

O mestrado em Engenharia e Gestão de Processos e Sistemas do Ietec proporcionou para Aparecida Helena  uma ampliação dos planos de carreira de professora:

“Profissionalmente o mestrado me deu uma abertura muito grande para visualizar minha vida profissional em um futuro próximo. O curso me permitiu projetar passos maiores na docência do ensino superior e que em 2019 será meu objetivo”.

O Mestrado do Ietec possui um conjunto de disciplinas diversificado e proporciona um espaço de aprendizado estimulante para a troca de experiências. Nossos diferenciais contribuíram para que Aparecida Helena pudesse repensar e conquistar um novo futuro.

Clique aqui e conheça mais sobre o nosso programa de Mestrado.