Você já ouviu falar em transformação digital? Estamos vivenciando esse momento em que, cada vez mais, a tecnologia ganha espaço em nosso dia a dia. Você, provavelmente, tem um smartphone e realiza uma série de tarefas por meio dele. Acessa e-mail, redes sociais, resolve assuntos profissionais, bancários, entra em contato com amigos e familiares e talvez até faça compras pelo celular.

Há alguns anos, seu aparelho talvez não tivesse metade dessas funções. Isso é a revolução digital. Para que você consiga realizar essas atividades, as empresas precisam se adaptar à nova realidade: fornecer serviços compatíveis e saber como atingir o público que, agora, tem uma nova forma de se relacionar com o mundo.

Tudo está mudando. Se você muda, as empresas mudam e, consequentemente, os empregos mudam. Com a transformação digital, parte significativa das crianças de hoje exercerão profissões que ainda não existem. Algumas profissões de hoje deixarão de existir, e a sua pode ser uma delas. Já pensou nisso?

Como fazer para sobreviver a isso? É o que você descobrirá neste artigo. Reunimos aqui informações sobre o impacto da transformação digital no futuro das profissões. Continue a leitura e confira!

Impacto nas empresas

Apesar de a transformação digital que vivemos ser anunciada há tempos, não são todas as empresas que estão preparadas para ela. Isso porque essa nova realidade vai muito além da presença virtual, facilmente resolvida por páginas em redes sociais e sites.

As mudanças do momento exigem investimentos em automação do processo, o que requer profissionais especializados, ferramentas e estratégias específicas. Com essas exigências, há prognósticos de que muitas das empresas atuais não sobreviverão.

Se observarmos os modelos das startups, já é possível observar o impacto da transformação digital. Elas já surgem com um modelo de negócio adaptado à nova realidade, por isso, têm tido grande destaque e, até mesmo, revolucionado o mercado em que atuam. Exemplo disso é a Uber, que vem causando revolução no modelo de transporte urbano.

Impacto nos postos de empregos

A transformação digital vem acompanhada da automação e, consequentemente, da extinção de inúmeros postos de trabalho. Os robôs dominarão uma série de funções, inclusive nas áreas médica e jurídica. Por ora, os postos preservados são aqueles relacionados ao relacionamento humano, a aspectos cognitivos e a poder de decisão.

Cada vez mais o custo dessas máquinas está sendo reduzido e, em países como China e Estados Unidos, em 10 anos a automação já deve ser sensível na sociedade.

Ao mesmo tempo em que vagas são extintas, outras são criadas — ainda que em menor proporção —, afinal, a mente humana é necessária para operar as máquinas e interpretar os dados por ela produzidos. Eis aí uma oportunidade de se manter competitivo em meio à invasão robótica.

As novas tecnologias e as mudanças já visíveis

Quando pensamos em transformação digital e mercado de trabalho, tudo pode parecer muito distante, tanto em relação a tempo quanto a geografia (afinal, mencionamos aqui China e Estados Unidos). Mas, se pensarmos em nossa realidade, já identificamos reflexos dessa transformação.

Já temos mais caixas de autoatendimento em bancos do que funcionários para nos atender em agências menores. O mesmo observamos nos aeroportos, quando vamos fazer o procedimento de check in.

São máquinas que falam conosco nas centrais de atendimentos telefônicos, sem contar com a Inteligência Artificial, que cria uma nova realidade para os mais diversificados setores da economia. A educação é mais um campo que precisa se adequar à revolução digital.

Ela não pode continuar seguindo o modelo tradicional em meio a uma sociedade permeada por tecnologias disruptivas. É preciso que professores e alunos estejam alinhados tecnologicamente para que a educação seja eficaz.

Como ser um profissional dos novos tempos

As mudanças no cenário e no emprego não significam que você ficará obsoleto ou que não terá trabalho. Tudo depende de como será a sua postura diante dessa nova realidade.

Para que você seja um profissional na era da transformação digital, seja inovador. Invista em cursos de pós-graduação, amplie seu conhecimento sobre as novas tecnologias, aprenda uma nova forma, não linear, de pensar e agir. Assim, você será protagonista de mudanças e garantirá seu papel no mercado de trabalho.  

Se o movimento é de automação, aprenda a comandar as máquinas que agilizarão os processos produtivos. Isso fará de você um especialista, de que várias empresas precisarão.

Além disso, desenvolva competências ligadas à proatividade e iniciativa. Invista também nas competências interpessoais e relacionais; assim, você terá diferenciais significativos que o ajudarão a se destacar no mercado de trabalho em transformação.

Desafios das empresas na era da transformação digital

As empresas que pretendem sobreviver à transformação digital precisam investir já em mudanças. Para isso, é fundamental contar com uma equipe especializada em novas tecnologias. Além disso, é preciso centrar nos três pilares: experiência do cliente, modelo do negócio e processos operacionais.

Fazer essa transição, contudo, não é fácil, pois há vários desafios a serem vencidos na esfera institucional. Em geral, a própria cultura organizacional é um dos primeiros pontos de conflito, e deve ser trabalhada desde os primeiros momentos de investimento em estratégias digitais. Com esse ponto pacificado, os resultados tendem a ser mais facilitados.

A estrutura da empresa, o investimento a e incerteza do retorno costumam agir como entraves no processo de transformação digital. É comum que gestores ainda tenham dúvidas sobre todo o processo, pois, infelizmente, muitos ainda não têm clareza da magnitude dos impactos que a transformação digital trará para as organizações.

Não é um caminho fácil a se seguir, mas as empresas e os profissionais precisam ter consciência de que os efeitos da transformação digital são equivalentes à Revolução Industrial. Por isso, é preciso que se adaptem. Somente a adaptação manterá empresas em funcionamento e lucrativas, assim como profissionais competitivos no mercado de trabalho.

A tecnologia está presente em nosso dia a dia e isso não tem mais volta. O melhor a se fazer, como profissional, é se manter atualizado e investir constantemente em formação, para garantir as melhores oportunidades. Para isso, uma excelente opção é assinar nossa newsletter. Assim, você recebe em seu e-mail as mais recentes informações sobre o tema. Assine já!