Decidir qual a carreira ideal ou que permitirá um futuro mais estável é uma missão difícil e que envolve vários fatores. Saber quais são as profissões em alta no mercado, como o setor trabalhista tem se comportado até o momento, quais as habilidades e competências mais requisitadas e até que ponto as dificuldades do mercado podem influir na escolha da profissão são alguns deles.

De acordo com pesquisas com profissionais de RH, algumas áreas prometem ter mais destaque em 2018. E é sobre isso que vamos falar neste post.

O mercado profissional busca colaboradores com competência diferenciada, sobretudo nas áreas tecnológicas e mudanças sociais. Para isso, é necessário estar muito bem informado sobre as tendências, buscar o conhecimento específico na área desejada e ficar atento às demandas que a profissão requer.

Com a retomada da economia brasileira, a expectativa é que as áreas que trabalharam no seu limite máximo com menores custos, nos últimos três anos, se tornem as grandes estrelas no próximo ano.

Para lhe auxiliar nesse processo decisivo, neste texto abordaremos as profissões em alta em 2018 e as chances de ter uma carreira promissora. Vamos lá!

A escolha da profissão

Antes de elencar as atividades com melhores chances de emprego e sucesso em 2018, vamos falar sobre a importância da escolha da profissão. Essa dúvida não é exclusiva de quem está terminando o ensino médio e precisa cursar uma faculdade. Quem está no mercado também pode decidir trocar de profissão, e nesse momento escolher uma nova é também um desafio.

Embora seja imprescindível ter em mente que nenhuma escolha é permanente, o profissional que busca se firmar no mercado precisa saber que é fundamental o investimento, seja em tempo, seja em dinheiro. Então, para se decidir corretamente você precisa:

  • se conhecer bem;

  • entender os seus gostos e necessidades;

  • conhecer suas habilidades e competências;

  • pesquisar as profissões em alta no mercado de trabalho;

  • conhecer bem o mercado de trabalho;

  • listar as vantagens e desvantagens.

As profissões em alta no mercado em 2018

Cientista de Dados

Profissional responsável por analisar dados e lidar com o Big Data — grande quantidade de dados disponíveis na internet —, capaz de tornar os processos mais eficientes e promover maior rentabilidade dos negócios. Com esses dados, o cientista pode definir soluções eficazes para melhorar o desempenho dos setores de produção das empresas.

Há cursos específicos para graduados em Tecnologia da Informação (TI), Engenharia, Análise de Negócios, Estatística e Matemática.

Engenheiro de softwares

Com a crescente expansão da tecnologia, esse profissional é um dos mais requisitados por desenvolver e aprimorar softwares de dispositivos móveis, além de desenhá-los e testá-los. A formação em Ciência da Computação ou em cursos específicos facilita a inserção no mercado de trabalho.

Supply Chain

Supply Chain significa cadeia de suprimentos ou logística. Essa área de Gestão tem por meta tornar o setor mais eficiente e eficaz provocando, assim, maior vantagem competitiva para a empresa. Muito além da logística, Supply Chain trabalha com a integração interna das atividades, como coordenação dos fluxos de informação e de materiais tanto para os fornecedores, quanto para o consumidor final.

Formados em Gestão, Engenharia, Logística e Administração podem trabalhar nessa área, que requer profissionais ágeis.

Técnico em drone

A área da tecnologia possui destaque quando o assunto é carreira promissora. Com o uso dos drones, se fez necessário ter autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea). Por isso, foram criados cursos específicos que ensinam técnicas de pilotagem e filmagem para utilização nos drones, que já são usados em diversos setores, como no Jornalismo e no Agronegócio.

Analista de Marketing Digital

Mais que saber criar uma conta no Instagram e postar fotos, o profissional em Marketing Digital deve ter uma gama de conhecimentos na área digital, bem como em gestão. O trabalho requer cuidados com a imagem da empresa ou produto com foco na atração de novos negócios e desenvolvimento ou manutenção da marca. Graduados nas áreas de Publicidade e Propaganda, Jornalismo e Relações Públicas têm as competências necessárias para atuar nessa área, mas há também cursos específicos em Marketing Digital.

Controller

Controladoria de finanças também estará nas áreas de destaque em 2018. Isso porque o controller lidera a contabilidade e possui grande visão na controladoria das empresas. Ele precisa ter bastante conhecimento técnico-financeiro nas áreas financeira, estratégica e tesouraria. A remuneração desse profissional tende a ser bem vantajosa, pois requer dedicação, habilidades específicas e olhar atento às necessidades diárias do mercado e da empresa que atua.

Analista de Investimentos

Atua em bancos, instituições financeiras ou empresas no segmento de serviços financeiros. Sua responsabilidade consiste em selecionar e oferecer recomendações na alocação do dinheiro do cliente, ou seja, a melhor maneira de investir e fazer o dinheiro render. Requer formação nas áreas de Economia, Engenharia ou Administração e terá grande espaço em 2018 devido à crescente transformação do cenário financeiro mundial.

Biotecnólogo

O biotecnólogo atua na manipulação de agentes biológicos para desenvolver bens e serviços. É ele responsável por desenvolver produtos alimentícios, no setor de cosméticos também tem atividade garantida, além de ter espaço no controle de pragas ao criar novas possibilidades no agronegócio.

Formados em Engenharia Biotecnológica, Biotecnologia, Medicina, entre outras, podem atuar neste setor.

Profissões em alta até 2020

Existem alguns setores em crescimento no Brasil e que garantem índice de aumento nas procuras e aberturas de postos de trabalho. Confira!

  • Supervisão de Produção em Indústrias de plástico;

  • Engenharia de Petróleo;

  • Sistemas de Informação;

  • Tratamento de superfícies de metais e de compósitos;

  • Engenharia de mobilidade;

  • Mecatrônica;

  • Biotecnologia;

  • Engenharia Ambiental;

  • Engenharia Sanitária;

  • áreas de eletricidade, eletrônica e eletromecânica.

Para conquistar alguma dessas vagas, o profissional deve se manter em busca constante de atualização e, se possível, ter pós-graduação na área escolhida. Hoje, a facilidade da Internet e de cursos online facilitam atualizar os conhecimentos e adquirir novas competências que sejam diferenciais para o mercado de trabalho.

Com essas dicas será mais fácil decidir qual carreira escolher e seguir em frente, não acha? Se você está mesmo pensando em mudar de profissão, aproveite para conferir outras dicas para saber se esse é mesmo o momento certo. Até o próximo post!