No mundo corporativo ouvimos constantemente definições sobre o que é ser chefe e líder. Mas você conhece as diferenças entre os dois?

Bom, o desempenho das equipes são reflexos da liderança atuante, e é neste momento que surgem dois perfis completamente opostos, que podem motivar ou desmotivar o crescimento institucional.

Vamos ajudar você a entender como transformar sua carreira e mostrar o que é necessário para ser um líder, além de ter melhores resultados na performance da sua equipe. Acompanhe!

Diferenças entre ser um chefe e ser um líder

No dicionário, a palavra “chefe” significa: funcionário ou empregado que dirige um serviço; diretor; cabeça; principal.

Já a palavra “líder” traz o seguinte significado: que ou o que lidera determinado setor de atividade ou uma competição; pessoa que exerce influência sobre o comportamento, pensamento ou opinião dos outros.

Assim, chefe é aquele indivíduo que está no comando de um cargo, mas utiliza apenas competências técnicas para obter resultado, gerando equipes desmotivadas e despreparadas emocionalmente.

O líder, por sua vez, é a pessoa capacitada a enxergar cada colaborador como parte chave para um desempenho de sucesso. Suas habilidades técnicas e emocionais são capazes de persuadir e influenciar positivamente sua equipe, permitindo crescimento pessoal e profissional, e alcance de metas estabelecidas pela instituição.

Características de um chefe

O chefe tem predisposição a ser centralizador nas tarefas, a impor suas vontades e a ser muito autoritário (dono da verdade). Em geral, não permite espaço para conversas triviais e nem ser conhecido pelos seus comandados. Além disso, necessita aprovar todos os passos e processos do seu setor, e se ele não souber do que se trata, tenha certeza que cabeças rolarão!

O chefe gosta de ser elogiado em público e evita qualquer situação embaraçosa que prejudique sua fama. Quando erra, não admite; quando acerta, faz questão de mostrar a toda a sua equipe que ele é um ótimo gestor.

São considerados egocêntricos e não medem esforços a fim de conquistar seus objetivos, ainda que, para isso, precisem destruir laços de amizade e confiança.

Características de um líder

A pessoa pode nascer com características de liderança, o que chamamos de líder nato, ou ser alguém que, no decorrer da vida, trabalhará suas habilidades e competências.

Sim, é possível desenvolver aspectos corporativos voltados à liderança. Um líder inspira, motiva e orienta as pessoas a alcançarem seus objetivos pessoais e coletivos.

Líderes dispõem de inteligência emocional, o que favorece a troca de conhecimentos com seus liderados e permite conhecer as particularidades de cada um. O foco da liderança está nos resultados, mas em consonância com as individualidades e respeito a cada colaborador.

O líder integra e agrupa para alcançar as metas, valorizando cada esforço despendido. A relação dele com os funcionários é uma parceria que favorece o crescimento da empresa, pois colaboradores motivados têm chances de sucesso ainda maiores.

5 dicas para desenvolver um perfil de líder

Para auxiliar nesse processo de conhecimento do perfil do líder, listamos algumas dicas. Confira:

1. Aprenda a delegar tarefas e a desafiar a equipe

Delegar tarefas não significa impor alguma atitude a alguém. Por conhecer seus colaboradores, o líder entende o perfil de cada um e o que precisa melhorar para que ele cresça profissionalmente.

As tarefas não devem ser delegadas, exclusivamente, por competências próprias, mas, principalmente, para desafiar cada funcionário. O objetivo do líder é prepará-lo emocionalmente para lidar com situações adversas e adquirir capacidades e técnicas novas em diferentes áreas da sua atuação — sem o caráter de desvio de função.

Liderados precisam se sentir desafiados a todo momento para poderem reagir mediante às adversidades. Um dos desafios do líder é estimular a motivação de cada integrante do time, a fim de mantê-los em sintonia e em busca de um mesmo propósito. Bons líderes conhecem a capacidade da sua equipe e sabe como encorajá-la.

2. Seja um exemplo a ser seguido

De nada vale incentivar boas ações se não as pratica. O líder deve ser um modelo para o seu liderado. Por ser o mais visado dentro da instituição, é sua responsabilidade dar exemplo à sua equipe.

3. Crie um ambiente de trabalho positivo

Criar um ambiente propício e positivo à criatividade e inovação é função do líder que deseja ver seu time crescer e ter seu setor como destaque na empresa. Dar espaço às novas ideias faz com que o colaborador se sinta parte integrante e importante da empresa. O líder deve incentivar essas boas práticas e estar atento aos diferenciais de cada funcionário.

4. Reconheça os bons líderes da equipe

Toda equipe tem um colaborador com um perfil mais voltado para coordenar. O líder precisa reconhecer esse profissional e dispor de mecanismos que desenvolvam suas competências. Além disso, deve trabalhar a inteligência emocional do candidato à líder. A influência de um bom exemplo é fundamental no período de lapidação do aspirante à liderança.

5. Mantenha um canal aberto com a sua equipe

Para ter um time realmente motivado, é necessário que ele confie no seu líder imediato. Para isso, a comunicação é o canal que agregará essa segurança.

Líderes incentivam a equipe a falar, a expor as ideias, a utilizar a criatividade, a se despir do medo e a ousar. O ideal seria que cada setor de uma empresa tivesse um líder para encorajar e estimular os colaboradores, permitindo que eles se sintam valorizados e como uma peça importante para a instituição. Ouça seus funcionários e comunique-se com eles.

De acordo com Jairo Martins, superintendente-geral da Fundação Nacional de Qualidade (FNQ): “as lideranças exercem papel fundamental na criação de um ambiente propício à inovação, aperfeiçoamento e aprendizado constantes”.

A liderança é um estágio a ser alcançado e existem cursos que auxiliam nessa busca por aperfeiçoamento das habilidades e competências, desde que haja o desejo real de mudar atitudes, deixando de ser chefe para se tornar um líder.

Gostou das dicas sobre como ser um gestor de sucesso? Tem mais alguma ideia a acrescentar ou ficou com dúvidas sobre a diferença de chefe e líder? Deixe um comentário neste post e conte para a gente!